MERCADO NEGRO: Feira da ressignificação comemora 1 ano de OCUPA PRETO | Valdeck Almeida de Jesus

ocupa_preto-jpg-200

Em parceria com o SLAM da Quadra, o Ocupa Pret@, inicia seu projeto “Mercado Negro” – Feira da ressignificação, que busca dialogar com empreendedores negros e negras, por meio de uma feira multicultural, onde se debaterá estratégias de driblar o racismo e as diversas identidades.

O evento acontecerá na quadra do São Caetano, dia 25 de maio (quinta-feira), a partir das 14 horas, em Salvador-BA.

ocupa_preto2

A partir de uma nova forma de se fazer o discurso, através das diferentes narrativas, o Ocupa Pret@, busca trazer desfiles plus-size,oficinas, rodas de conversas e as artes, através de um sarau da quadra.

Segundo Ícaro Jorge, diretor do Ocupa Preto, a ideia surgiu a partir de uma pesquisa do Data Favela que diz que negros cada vez mais estão empreendendo. “Eu como empreendedor, militante e movimentador, não posso deixar de dizer que feiras como essas são formas de fazer o nosso dinheiro rodar entre os nossos.” disse.

Além disso, a feira da ressignificação, tem a perspectiva de comemorar 1 ano do Ocupa Preto que se iniciou em 20 de maio de 2016 e desde então vem fazendo diversos trabalhos, como os #OCUPAECONVERSAs, o Aulão de redação A favela Vive, o Luau Empretou e o canal do Youtube que é um sucesso, considerado influenciador pelo jornal A Tarde.

Atualmente, o Ocupa Preto é parceiro do cursinho pré vestibular pré ENEM Vilma Reis que busca, através de um quilombo educacional, dialogar sobre novas narrativas para a educação brasileira.